Essas coisas, logo aí embaixo... Palavras ditadas por um Ghost Writer.

24 de fev de 2009

Papos pro ar[-condicionado]:

Conversa no trabalho. Elaborando portfólio, essas coisas [estagiário precavido e ciente do término do seu contrato vale por 10 - eu disse DEZ!! - "efetivos"]:
- Thiago, teu blog é bom, coloca o endereço no portfólio.
- Meu blog??!
- É, guri. Tu sabe que o teu blog é bom...
- Tá, eu sei. Eu sou megalomaniáco, é claro que acho meu blog ótimo!
- Então?
- É que eu coloco muito "as tripas [SANGUE escorre do cantinho da boca nesse momento, hehehe]" nele. Não dá certo misturar isso com o trabalho, hahaha... Imagina só o que alguém que vai me contratar pode pensar se ver o blog! Serviria se eu fosse tentar trabalho na Rolling Stone, mas pra assessoria não dá, hahaha...
Eu deveria estar de férias. Quem sabe numa praia paradisíaca, tomando drinks doces e vendo moças bonitas e biquinis sumários. Mas tava no trabalho. Tudo por um portfólio, hehehe...

E a Rolling Stone que me aguarde. Quero minha vaga de "discípulo de H. Thompson" na publicação. Ou eu domino o mundo antes. Jornalismo é só um detalhe. E eu tou me lixando pra esse detalhe, o que eu queria mesmo era ser rockstar, hahahaha!! Jornalismo é só um passatempo no qual eu engano bem. Melhor do que muita gente que leva a piada à sério...
.
Mas a propósito, que "cês" acham da minha afirmação [no relato, ou nos outros que permeiam o texto, vá lá...]?!
.

19 de fev de 2009

"Cês" sacam que eu sou anarquista, né?!

.
“Hierarquia é, na grande maioria das vezes, uma desculpa para pessoas incoerentes conseguirem impor suas irracionalidades. Refúgio da ignorância e da incompetência.”
.
.
Essa tava guardada desde o final do ano passado. Ou antes, quem sabe... Mas eu sempre achei essa frase sentencial demais [quem me conhece sabe que eu NÃO creio em coisas absolutas, muito pelo contrário]. Mas depois de uns fatos ocorridos essa semana, tava precisando soltar essa "ferinha". Posso dizer uma coisa sobre a idéia-base dessa frase: Quem tem que conquistar respeito no grito, subjulgando pessoas em situação desfavorável, NÃO merece o objeto que deseja [no caso, o tal respeito]. A [verdadeira] liderança só pode ser alcançada com sabedoria. E, antes de tudo, respeitando as pessoas das quais se quer respeito. PONTO!
.

1 de fev de 2009

Aí está...

"O que mais enche minha cabeça são coisas inexistentes e fatos que ainda não aconteceram."
.